[Resenha] Me Descobrindo Mulher - Série Descobrindo, vol. 1 - Manu Torres

Isabela Alencar havia sido criada para odiar o sexo e jamais deixar que um homem virasse sua cabeça e isso foi fácil até se formar na faculdade e ir trabalhar na Clínica Médica do seu pai, onde um competente cardiologista mexe literalmente com o seu coração.
Leonardo Menezes é um cara comprometido com a profissão e muito sério, ele parece inacessível dentro e fora do Hospital e da Clínica onde trabalha, mas Isabela Alencar que é fisioterapeuta e filha do dono da Clínica lhe tira do eixos e, três meses depois que a conhece ele a leva ao altar e lhe jura a amor eterno.
Será que os traumas de Isabela podem ser superados?
O amor de Leonardo por Isabela transportará essa barreira?

     Skoob 💗  Fanpage do livro 💗 Amazon 💗 Goodreads

            

Oi, gente!

Tudo bem? Olha eu aqui para mais uma resenha. Quem gosta do cenário médico essa é a indicação ideal. Me senti até em Grey’s Anatomy, quer dizer, não é para tanto, porém, foi uma aventura legal. Assim como a série, temos muito drama. Mas, calma! Não se assuste. A Manu Torres não incorpora nenhuma Shonda Rhimes e não mata ninguém, ou será que mata? Tan tan tan!


Sabe aquele médico que fazemos questão de visitar? O cara de jaleco branco, sério, alto e gostosão é o que temos para hoje na Clinica Estevão Alencar.

E para começar, vamos conhecer a Isabela Alencar (sim, o nome da clinica tem tudo a ver com ela), nascida e criada em uma família tradicional, se forma em Fisioterapia e inicia a sua carreira na clinica do seu pai (não falei?), e é na Estevão Alencar que ela conhece o médico cardiologista, Leonardo Menezes (já chegaremos nele).  Foi uma atração instantânea, Isa é linda e encantadora com seu jeito tímido e recatado de ser. Em pouco tempo ela se via loucamente apaixonada e prestes a casar com o dono do seu coração.


Enfim, casados. Mesmo depois de meses de matrimonio, Leonardo não consegue entender o porquê o sexo com sua esposa linda, sexy, gostosa e jovem é tão frio e impessoal. Em uma atitude impensada — pelo menos é nisso que prefiro acreditar — ele toma uma decisão radical e sai de casa após mais uma tentativa frustrada.

Isa fica inconsolável e se culpa pelo acontecido, achando realmente que o problema ERA ELA e DELA. Ela foi ensinada que mulher não sente prazer, que o prazer é somente para o homem, que masturbação é para putas. Porém, Deus coloca nas nossas vidas anjos e com ela não podia ser diferente. Lilian e tia Luiza, irão se juntar e mostrar um caminho que a protagonista desconhecia. O caminho do amor próprio e do prazer. E é assim que começa a Operação Mulherão.

O nome do livro tem tudo a ver com o enredo, podemos acompanhar no decorrer da narrativa o empoderamento feminino da personagem, no qual, ela vai descobrindo o seu poder, sua força, sua influencia e seu prazer. Isabela começa entender e compreender que não precisa do Leonardo para ser feliz e sim dela própria, e é através desse pensamento que Isa decidiu recuperar o seu casamento. Agora ela estava pronta.


O Leo foi um pé no saco durante esse processo, impulsivo e de raciocínio curto, demorou bastante para amadurecer e por conta disso, conquistou somente minha simpatia. Teria sido legal ele ter amadurecido junto com a mocinha, ter progredido ao seu lado.  
Mas, nem tudo são espinhos, temos as rosas também, o protagonista uma hora deixa de ser um ogro comum para ser o Shrek (o melhor ogro do planeta).

Os personagens secundários são maravilhosos, eu amei e me diverti com eles. Já sei que não vou passar vontade de saber mais deles, pois o segundo livro da série é sobre o médico ginecologista da clinica, o Igor Salazar, e no final de 2016 a autora anunciou que lançará um livro somente de contos destes personagens, Descobrindo Sentimentos. Só amor, não?

Me Descobrindo Mulher é aquela leitura gostosa e quente de final de semana. Além de entretenimento, a obra possibilita ao leitor uma reflexão sobre a posição da mulher diante dela mesma, do ambiente familiar, profissional e social. Super Indico!

Espero que tenham gostado!

Beijos e um queijo mineiro!


Até a próxima!


2 comentários:

  1. Oi, Elen!
    Achei super interessante esse tema que a autora abordou. Até nos dias de hoje, mulher e sexo na mesma conversa são dois assuntos super tabus.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Que linda resenha, Elen! Muito obrigada pelo carinho. Amei demais.
    Beijos 😘

    ResponderExcluir