[Estante Digital] A Vadia - Gislaine Oliveira

Esta não é uma história de amor comum, destas que você está acostumado a ler. Existe a menina boazinha? Sim! O menino bonzinho? Sim! A menina invejosa que quer separar os dois? Claro! Então o que é que esse livro tem de tão especial? Você já vai descobrir.
Esta história não será contada por um narrador desconhecido, nem pelo casal apaixonado. Contrariando todas as expectativas dos românticos de plantão, quem contará a história será ela: A Vadia.
Apresentações não serão necessárias. Você já conhece A Vadia. A garota alta, loira, peituda e fútil. Ela é a rival, a arqui-inimiga da garota tímida e do bem por quem o cara se apaixona. A piranha que dá em cima do mocinho e que também abandona um namorado só porque ele é pobre.
Você já conhece esta trama. Mas deve saber que toda história tem dois lados. Você já conhece um. Agora vai conhecer o outro!

                                                                 Skoob 👱  Goodreads 👱 Amazon


Olá, gente!

Saudades? Espero que sim, porque eu estava morrendo, definhando de saudades. Foi bem triste ficar tanto tempo longe do blog, mas, não tive muita escolha. As coisas na faculdade estavam uma loucura e eu não conseguia ler e resenhar. Só que agora eu estou de...? FÉRIAS. Pretendo voltar com todo gás, só me deem uns segundinhos para recuperar o folego. Bem, não vim aqui em vão, né? Hoje falarei de um livro que estava roendo as unhas de ansiedade para poder compartilhar com vocês. Uma obra incrível e desafiadora. Vamos lá?

A Vadia nos traz a história da Sammy, que mesmo nova se depara com o preconceito humano (quem escapa de alguma coisa hoje em dia?). Ela tem um melhor amigo chamado Henrique, um garoto negro, no qual ninguém gostava pelo fato da cor da sua pele. Era ela e o Hique contra o mundo. Eles cresceram e começaram a namorar, porém tudo que era belo uma dia, deu uma reviravolta de 180 graus. Foi ai que tudo mudou para a Sammy.

A intenção de hoje não é nem resenhar um livro, mas compartilhar um sentimento.

Iniciei a leitura com muita curiosidade, pois não tinha tido a oportunidade de ler algo com a proposta de enredo que foi apresentado nesta obra. O livro me colocou em situações que lido (eu e milhares de meninas) diariamente, entretanto não conseguia identificar como elas me afetavam, simplesmente achava “normal”. Confesso que o inicio da leitura foi lenta e demorei uns cinco capítulos para acompanhar o ritmo da Gislaine, porém, assim que engatei ninguém me segurou. A escrita da Gi desabrocha diante dos nossos olhos, nos levando a reflexão de conceitos morais.


A realidade da Sammy envolve diversos temas, como: racismo, machismo e sexualidade. São tratados na medida certa, não há aprofundamento, porém, há um entendimento que leva o leitor a grandes reflexões, como já foi dito. A leitura vale muito a pena e espero que atinja um público muito maior, pois todos merecem/devem ler. No finalzinho a autora dá um depoimento, declarando #SOMOSTODASVADIAS.  

A capa é linda, a diagramação “ok” e a revisão também.

“Não existe mentira mais perversa do que meia verdade. Todos veem a metade verdadeira e deduzem o resto”

Gostou? Não deixe de me falar o que achou e se você já leu me contar sua experiência.

Beijos e um queijo mineiro!

Até a próxima!


Um comentário:

  1. Oi, Elen!
    Eu amei esse livro da Gi. Curti como ela abordou vários temas interessantes.
    Oi, Talita!
    Baixei esse livro no Unlimited pra dar uma conferida o/
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Literário de Carnaval
    Sorteio Três Anos de Historiar

    ResponderExcluir