[Estante Digital] Fenomenal - Willers Family, vol. 1 - Andy Collins

O que você é capaz de fazer quando as suas opções são limitadas?

Você é capaz de sair da linha?
É capaz de se tornar tudo aquilo que sempre odiou?

Bree tinha apenas uma opção, e ela agarrou com unhas e dentes. Ela não era uma desistente.

Oliver é um jovem lutador de boxe em ascensão, ele quer provar que ainda é digno do cinturão.

Oliver não é um bom perdedor, e ele não vai querer perder a única mulher que ferrou com toda a sua concentração.

Ele tem dez rounds.
Ela tem dez dias
                                                                             Skoob 💪 Amazon 💪 Goodreads



Oi, gente!

Preciso deixar claro meu amor por lutadores. A-M-O L-U-T-A-D-O-R-E-S.



Pronto, coloquei para fora.

Um certo dia, estava de boa na lagoa, mentira, foi no Facebook, quando vi uma publicação da Rosangela Alves do blog Leitora em Ação perguntando opiniões sobre o livro, logo pensei: A capa está realmente fenomenal, vamos ver o livro, não é? Esperei o término da leitura dela, li sua avaliação e procurei resenhas por vários blogs, além do meu velho amigo Skoob. Assim partir para a luta, literalmente (rs).

Bree é uma jovem mulher que se encontra em uma situação mega difícil, ela precisa de cem mil dólares em dez dias. No desespero ela decide ser acompanhante de luxo por esse período de tempo. 

Na sua primeira experiência Bree é humilhada e agredida, mas persiste no seu plano.

Oliver é um lutador de boxe que apesar de jovem vem alcançando lugares altos e de destaque no meio. Participando de um torneio que compete em dez dias, dez rounds, essa é sua oportunidade de garantir o cinturão consigo, por isso, se esforça para manter o foco no objetivo de ser sempre o melhor.

Ele não é chegado em relacionamentos, até mesmo os casuais, o negocio dele é pagar, assim evita futura complicações. Toma lá da cá. E é ai que o universo não perde tempo e junta a fome com a vontade de comer. Oliver contrata a Bree por dez mil dólares para dez noites (ela ainda ia ficar com um bônus).

 No inicio tudo que ele queria era um bom sexo quente para poder relaxar. Porém, não foi isso que aconteceu, cada noite que passava com ela se via envolvido (ela tem cores, curvas, sabores, coisas que seduz [...] não vou mentir, fiquei envolvidão [...] Ok, parei a cantoria), mas quanto mais a Bree se vê embaraçada pelas bandagens (aquelas faixas que boxeadores usam) do lutador, mais aumenta sua certeza que ela tem que dar o fora antes que caia de amores por ele.

Houve um momento que quase nocauteei o Oliver, foi um verdadeiro babaca, tirou conclusões precitadas, sendo que ela não merecia, mas se retratou. Não como esperava, mas valeu.


Fenomenal não foi tão fenomenal para mim, confesso. Talvez pelos imensos elogios eu acabei indo com muita sede ao pote, entretanto, isso não tirou o prazer da minha leitura.

É um conto (o que é frustrante pois queria MAIS, tá ouvindo Andy?). Mas, apesar disso, tudo está bem encaixado, tem começo, meio e fim e até um epilogo fofinho. A escrita da autora também é boa e envolvente e a leitura é bem rapidinha, terminei em uma noite.

Ps: Eu “xonei” mesmo foi no Jason, irmão do Oliver. Já viram a capa do livro dele? Pois, é! Digo mais nada!

Ps²: A música citada é Envolvidão - Rael



Beijos e um queijo!

Até a próxima!


4 comentários:

  1. Respostas
    1. Oi, Lu. Se voce ler, não esquece de me contar. Beijos

      Excluir
  2. Eu sou louca para ler esse livro, eu sou apaixonada na escrita da Andy, desde Insano.
    Fiquei ultra, mega curiosa para ler esse.
    Sua resenha está fantástica.

    Beijos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não li Insano, mas estou com vontade. Gostei bastante da escrita da autora. Obrigada <3

      Beijos

      Excluir