[Estante Digital] No Ritmo do Amor - Livro Um - Andrezza Mota






Annie é uma garota linda, sensual e divertida. Filha de uma dançarina mexicana com um brasileiro, tem nas veias música e movimento. Apesar de chamar a atenção por onde passa, não está em seus planos envolvimentos amorosos, pois, por não acreditar na sinceridade dos homens, teme sofrer. Focada no trabalho, mantém os pretendentes à distância. Joe, um homem lindo e bem-sucedido, não é diferente dela em relação aos compromissos. Embora já sofra cobranças de sua família nesse sentido, não pensa em se prender a mulher alguma, sobretudo se houver negócios entre eles. Certo dia, o acaso trata de fazer com que os dois, literalmente, esbarrem-se. O encontro é repentino e fugaz, mas desperta uma paixão avassaladora, persistente. Em meio a desencontros, enquanto tentam localizar um ao outro, nem imaginam o que o destino reservou para juntá-los e muito menos os desafios, entre os quais a insegurança e inúmeros mal- entendidos, que precisarão enfrentar para ficarem Juntos.
                                                                        Skoob // Amazon




Oi, gente!

Estou sumida, eu sei. Tenho que dizer que estou passando por uma fase de bloqueio horrível, não está fluindo a leitura e a escrita. Mas, depois de varias tentativas finalmente consegui escrever essa resenha, não sei se essa maré passou, mas espero que sim. Vamos lá?

Hoje eu vim falar sobre o primeiro livro da autora Andrezza Mota. Como muitas autoras nacionais, ela começou postando na plataforma do Wattpad e com o sucesso entre suas leitoras, lançou a versão digital na Amazon.

A história começa contando sobre a Annie, uma jovem garota divertida, linda e muito alegre. Depois da sua família, a dança é seu maior amor, ela tem um talento incrível e encanta a todos com os seus passos. Trabalha com seus pais e irmão na academia de dança que pertence à família.
Joe, um cara sofisticado e dono de uma empresa organizadora de eventos. Lidera com muita dedicação, responsabilidade e perfeccionismo os negócios. Mas, ao mesmo tempo é descolado e que o relacionamento sério não faz parte dos seus planos. 

imagem retirada do Tumblr.

Os pais da Annie são velhos amigos dos pais do Joe e decidiram comemorar, no melhor estilo, mais um aniversário de casamento. E nada melhor que comemorar dançando, não é? Isso deixa o Joe completamente fora dos eixos, além de todo o trabalho na organização do evento  especial na vida de seus pais, ele ainda tem que lidar com uma dançarina petulante que bagunça sua programação. Mas detalhe, eles ainda não se encontraram, quer dizer não sabendo quem é quem porque como o destino não é graça e gosta de mexer os seus pauzinhos, eles se esbarram em um passeio no parque, o que faz nascer uma atração de ambas as partes.

E como já é de esperar, eles acabam se descobrindo, e apesar da forte atração entre eles o casal ainda tem muito a enfrentar, como: uma ex-louca, medos, inseguranças, preconceitos e ciúmes.

Comecei a leitura bem empolgada, mas minha empolgação aos poucos foi diminuindo. Não curti muito o casal como casal, sacou? Eu adorei a Annie, é uma mocinha leve e divertida. O Joe já não sei muito, mas confesso que não me apeguei. Não senti muita química entre eles. Eu entendi as inseguranças da protagonista, porém houve um momento que já não fazia mais sentindo continuar alimentando aquilo. O ciúmes excessivo dele também foi algo que me incomodou, normalmente, é algo que acho engraçadinho, entretanto, a todo momento o Joe pareceu egoísta e preconceituoso.

Agora você deve estar pensando: Nossa, Elen, você odiou a leitura!

Não, sabe? Os personagens secundários foram uma delicia e a escrita da Andrezza é viciante. Gente, em nenhum momento eu tive vontade de largar o livro, apesar de não estar gostando do enredo, porque simplesmente a narrativa dela me cativou.

Elen, mesmo assim me indica esse livro?

Claro que sim, cada leitura é uma experiência diferente para cada pessoa. Eu adoraria que você lesse e voltasse para me contar sua versão, assim podemos conversar e acrescentar. Até porque quero ler outras obras da autora, não me conformei e quero mais da autora sim!

Beijos e um queijo mineiro!


Até a próxima! 




2 comentários:

  1. Oie! Tudo bem?
    Elen, adorei a sua opinião, e como você mesma disse: "cada leitura é uma experiência diferente para cada pessoa". Isso é que é ser classuda e educada! hahahhahaha Espero que sua inspiração volte, eu estava assim também, sei como é ruim.

    Um beijo enorme e estralado!

    Dai

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dai! Tudo ótimo e com você?
      Menina, isso é horrível. Mas passou sim, pelo menos, até agora a maré ta fluindo e eu to aproveitando kkk

      Beijão!

      Excluir