[Resenha] Senhora - José de Alencar



Aurélia Camargo, filha de uma pobre costureira e órfã de pai,depois de perder seu irmão apaixonou-se por Fernando Seixas – homem ambicioso - a quem namorou. Este, porém, desfaz a relação, movido pela vontade de se casar com uma moça rica, Adelaide Amaral, e pelo dote ao qual teria direito de receber.
Passado algum tempo, Aurélia, já órfã de mãe também, recebe uma grande herança do avô e ascende socialmente.Passa, pois, a ser figura de destaque nos eventos da sociedade da época. Dividida entre o amor e o orgulho ferido, ela encarrega seu tutor e tio, Lemos, de negociar seu casamento com Fernando por um dote de cem contos de réis. O acordo realizado inclui, como uma de suas cláusulas, o desconhecimento da identidade da noiva por parte do contratado até as vésperas do casamento.
Ao descobrir que sua noiva é Aurélia, Fernando fica muito feliz, pois, na verdade, nunca deixou de amá-la. A jovem, porém, na noite de núpcias, deixa claro: "comprou-o" para representar o papel de marido que uma mulher na sua posição social deve ter. 


Senhora // José de Alencar // 2ª edição // Romance // Editora Escala //  205 paginas // Ano: 1875 // Skoob //  Compare e Compre



Oi, gente!


Tudo joia com vocês? Dei uma sumidinha, não foi? Desculpem-me, mas com certeza irão me entender. Resenhar um clássico grandioso como esse é muito difícil, ainda mais por ser grande fã do autor, que é um nome de peso na literatura brasileira. Espero que consiga transparecer em palavras todas as emoções que o José despertou em mim durante a leitura.


Senhora foi o primeiro romance que li do autor e confesso que li despretensiosamente, acredito que esse fato foi o precursor da minha leitura ser maravilhosa já que embarquei livre de pensamentos como “literatura nacional é chata’, ‘a linguagem é muito difícil de entender’, é cansativo’”.  Ideias que vemos em muitas pessoas — infelizmente.


A obra relata a historia de Aurélia Camargo, uma jovem humilde que por conta da morte do seu pai e irmão, ajuda a sua mãe arduamente para manter a casa. Vendo interesse em casar a filha, a mãe de Aurélia desperta nela o interesse para o matrimonio. E é ai que o caminho de Fernando Seixas cruza o da moça. Logo firmam um compromisso de noivado.


Fernando, funcionário publico, vivia com sua mãe e duas irmãs. Um jovem ganancioso e que ansiava uma vida de riquezas e regalias, ele não pensou duas vezes ao abandonar Aurélia — mesmo apaixonado, para casar-se com uma jovem rica que poderia proporcionar tudo que almejava: Ascensão social.



Aurélia sofre muito, foi um baque forte, então ela passou a ser uma moça que perdeu a fé nos homens. Mas, até ai a historia estava normal e eu achando tudo bem leve, até que “PAH”.  A reviravolta acontece e eu me tornei mega fã da protagonista e da sua personalidade. 


O avô paterno dela aparece, mas logo falece deixando-a com uma fortuna como herança. Sua mãe também morre deixando ela órfã. Agora somente com uma dama de companhia e um tutor, Aurélia deseja vingança, e vou dizer, que vingança épica. Ela instrui o seu tutor, Sr. Lemos a desfazer o noivado de Fernando com a Adelaide (moça por quem ele a trocou por ser rica), oferecendo um dote de cem contos de réis, propondo também um contrato que ele só poderá conhecer a noiva no dia do casamento. E, nós, mulheres, temos a esperança e fé impregnada no nosso ser, em Aurélia não poderia ser diferente e no fundo ela deseja que Fernando mostre um pouco de dignidade.
Bom, se você pensou que ele mostrou, se enganou porque Fernando de olho no dote gordo aceitou a proposta avidamente. Mesmo sem saber, ele tinha ido para a boca do leão, ou melhor, leoa e o circo pega fogo, já na noite de núpcias ela o humilha chamando-o de “vendido”. E, será neste momento que a ficha do Fernando cairá, ele começa a perceber o quão ganancioso foi e o mal que fez aquela menina moça que era sua esposa quando a conhecera, fazendo com que ele tome uma atitude decisiva na trama.


“— Representamos uma comédia, na qual ambos desempenhamos o nosso papel com perícia consumada. Podemos ter este orgulho, que os melhores atores não excederiam. Mas é tempo de por termo a esta cruel mistificação, com que nos estamos escarnecendo mutuamente, senhor. Entremos na realidade por mais triste que ela seja; e resigne-se cada um ao que é, eu, uma mulher traída; o senhor, um homem vendido.”


Gente, eu me vi super envolvida com os fatos e ocorrências, vendo o afinco do mocinho na tentativa de recuperar sua dignidade e na luta entre a razão e o coração de Aurélia. Tenho que confessar que amei a mocinha o tempo todo, e em nenhum momento a contrariei. Com muita engenhosidade o José nos prende a esse casal fazendo com que ficássemos ali com os dedinhos cruzados para que tudo desse certo. Na verdade, minha vontade é pegar você, leitor, e obrigar a ler esse livro e ama-lo tanto quanto eu (risos). Além do romance, não posso deixar de falar com contexto histórico que a obra se encaixa. Senhora, um romance urbano, e apesar de pertencer à época do Romantismo, temos uns traços do Realismo e Nacionalismo, onde notamos critica sobre os casamentos por interesse e não por amor, pratica muito comum na época.


Espero que tenham gostado e depois de terem lido essa resenha corram para ler esta obra maravilhosa, sempre indico de olhos fechados. Mas, se você já leu, deixe seus comentários aqui, terei um imenso prazer em surtar com você ou não rs.


Beijos e queijo mineiro!                                





42 comentários:

  1. confesso que fico muito feliz quando venho comentar em um blog e tem resenha de literatura clássica, seja ela nacional ou estrangeira... Senhora não foi meu primeiro contato com Alencar mas foi o meu preferido até então... A história possui uma reviravolta impressionante... Achei super bacana o fato de você mencionar o contexto histórico do enredo, infelizmente tem leitor que não se atém a isso e por esse motivo se entedia com a leitura...

    espero ver mais resenhas do tipo por aqui, voltarei sempre que puder... ^^
    bjs :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, infelizmente. Mas, elas não sabem o que estão perdendo rsrsrs Ah, com certeza, amo clássicos <3 Obrigada. Beijos

      Excluir
  2. Oi Elen, esse é realmente um clássico. Eu já li no tempo de escola, mas infelizmente não lembro de nada. Sua resenha está ótima e conseguiu me chamar a atenção para os destaques da trama. Fiquei até com vontade de ter esse livro em mãos. Sua empolgação foi transferida para mim e já coloquei esse livro entre as minhas metas. Obrigada pela indicação.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já faz um tempinho que li esse livro, e reler para fazer essa resenha foi um prazer mega , eu amo e se eu tivesse o poder todos o leria rsrsrs acho que deixei isso claro, não é? Muito obrigada. Beijos!

      Excluir
  3. Eu gosto muito de livros clássicos mas nunca li nada desse autor e já tinha escutado falar muito dessa obra. Eu gostei da sua resenha e de saber mais sobre o desenvolvimento da história e dobre os personagens. É uma ótica dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você leia e que ame tanto quanto <3 Beijos

      Excluir
  4. Tenho muito amorzinho por Senhora. Realmente é um livro que te prende do começo ao fim, José de Alencar fez um trabalho esplêndido. Li na época de escola, mas próximo semestre terei que ler novamente para a faculdade, mal posso esperar <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, que legal. Espero que para cada releitura você se encante ainda mais <3

      Excluir
  5. Que delicia ler uma resenha tão empolgante e positiva de um dos meus livros favoritos. Acho que minha opinião é bem parecida com a sua: eu repudiei o que o Fernando fez, mas queria demais que ele recuperasse a dignidade e fosse perdoado. Aurélia para mim, é um das melhores protagonistas da vida.
    Deu vontade de ler o livro novamente.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, que bom que gostou. É um dos meus livros favoritos! <3

      Excluir
  6. Eu não lembro se li ou não este livro porque eu acho que abandonei ele na sexta ou sétima série e olha que é uma coisa bem atual, apesar de que naquela época eram as mulheres que pagavam um dote e acho isto bem engraçado, mas vai saber os costumes né. Mas eu ainda quero ler porque amo clássicos.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, a leitura dele vale a pena. A dica que lhe dou é: Tente outra vez deixando de lado sua primeira experiencia. Beijos!

      Excluir
  7. Oi Elen, tudo bem?
    Acho que grande parte dos preconceitos com a literatura nacional partem do fato das escolas focarem como obrigatoriedade para prestar vestibular e pela falta de incentivos adequados a leitura. Adoro clássicos, porém ainda não li Senhora, mas ele já está na minha lista de leitura, José de Alencar é incrível, gosto muito de Iracema e Lucíola e acredito que vou adorar Senhora. Gostei muito da sua resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é verdade, isso vem desde o ensino primário. Torço para que isso se desfaça, um dia. Tenho certeza que sim, Senhora é apaixonante <3

      Excluir
  8. Também nunca senti vontade de ler, nem quando era obrigatório e confesso que nem sabia do que se tratava a história! Agora, lendo sua resenha, que notei a semelhança entre tramas de romance de época que eu amo tanto. Acredito que farei como você e começarei a ler os clássicos. Vale conferir depois de adulta, ne?!
    Nem sabia que o nome do protagonista era tão comum: Fernando.
    Me convenceu.
    Beijo, Mari Scotti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, realmente existe isso, mas te digo: Vale a pena. Este romance é incrível. Tente e depois me conte <3

      Excluir
  9. Oiee ^^
    Não consegui gostar deste livro. Alguns clássicos simplesmente não me fisgam, e nunca entendi bem porque a Aurelia decidiu "comprar" o Fernando, um cara ambicioso e interesseiro, quando poderia ter alguém honesto que a amasse por quem ela é. Não sei... Talvez seja o meu romantismo falando, mas o livro não me agradou.
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! É uma pena, mas te entendo. Quem sabe um dia, né? rs Beijos <3

      Excluir
  10. Ola Lindona acredito que ainda não li esse livro, a premissa é bem interessante e sua empolgação contagiante, faz tempo que não leio um clássico, vou anotar para ler e saber como nossos protagonistas ficarão no final do livro, quero acompanhar a surpresa do mocinho ambicioso ao descobrir quem é a noiva, e como lidar com todos sentimentos. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uhuuuuuuuuuuuuuu, leia! Fico bem empolgada quando alguém diz que vai ler. Espero que seja tocada assim como eu fui. Beijos <3

      Excluir
  11. Oie! Eu já li dois livros do José de Alencar O Guarani e Iracema. E adoro as histórias que ele cria principalmente pela crítica embutida da sociedade na época. Nas a escrita de Alencar é antiga r clássica talvez por isso algumas pessoas não gostam.
    Senhora eu ainda não li, apesar de ter o livro em casa. Mas pretendo ler em breve. Ainda mais depois dd ler sua resenha.
    Adorei Aurélia. Rsrs
    BJ

    ResponderExcluir
  12. Olá não li o livro , a capa não me agradou , mas sendo uma edição mais antiga até compreendo , o enredo parece ser muito bom , na época de escola que eles obrigavam os alunas a lerem essa obras se não me engano uma vez meu professor mandou eu ler , mas troquei por um outro . Você se surpreendeu com o livro e espero que isso aconteça comigo também , você me deixou curiosa para conhecer um pouco mais da obra !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é uma edição antiga, tem capas bem mais bonitas <3 espero que se apaixone assim como eu <3

      Excluir
  13. Oie.
    Li poucos clássico nacionais, mas lembro que amei Senhora. Até tiver que fazer papel de Fernando na peça do colégio, porque o menino que ia ser não conseguia gravar as falas dele. kkkkk
    Adoro esse livro, mas nos meus profundos sonho a Aurélia teria que ter dado um tchau para o marido e ficado sozinha ou com outro cara. rsrsrs Acho que se o livro tivesse sido escrito hoje as chances eram maiores.
    Realmente essa é uma leitura envolvente. Se eu tivesse o livro ainda, leria sem medo.
    Acho que dos clássico esse é um dos que mais cativam os jovens na escola. Lembro que até os meninos que entortavam o nariz para ler, gostaram o livro.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. esse livro é encantador, e que honra em representar o Fernando rsrs
      também amo esse livro e me marcou tudo nele <3

      Excluir
  14. Oi Elen!
    Confesso que estou para ler a nossa literatura a um tempo mas sempre adio. Tenho alguns clássicos para começar como "Gabriela cravo e canela" do Jorge Amado e alguns do Machado de Asis. Gostei da sua resenha, fiquei interessada em ler esse romance e ver essa reviravolta.

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro Machado de Assis <3 Leia, tenho certeza que vai adorar <3

      Excluir
  15. Oi, eu não me lembro de ter lido algum livro de José de Alencar. Mas querida, pode acreditar que depois dessa resenha eu estou ansiosa pra ler um livro dele. Essa história é maravilhosa e a personagem tem uma personalidade que merece palmas. Bom, a sua resenha está magnífica, digna de quem ler se apaixonar pelo livro (Como eu, Kkkkk).

    Beijocas, Alice
    www.blogmixbooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa, kkk obrigada. espero que se apaixone <3

      Excluir
  16. Eu preciso tomar vergonha na cara e ler esse livro, só conhecia a história por que assisti a novela essas mulheres que passou na record e foi baseada nesse livro. Amei a premissa e corri pra comprar o livro pois queria ler a todo custo. Isso já tem que dez anos e eu nunca peguei o livro pra ler, então após sua resenha decidi ler ele... Mas só no ano que vem, Infelizmente minha lista de leitura desse ano já está enorme,nem sei se vou dar conta dela. E já comecei a montar a do ano que vem e esse livro certamente estará nela ;)

    Abçs
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então toma vergonha na cara logo kk vai amar <3

      Excluir
  17. Olá...
    Eu já havia visto esse livro porem confesso que nunca realmente me interessei, sua resenha esta ótima e realmente mostra o quanto você gostou do livro (Mas acho que obrigar os leitores a ler e gostar tanto quanto você é quase impossível kk) os personagens são interessantes e o enredo é intrigante e muito legal, com toda certeza guardarei a dica com carinha e vou ler o livro num futuro próximo...
    Beijocas...
    https://westfalllivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Olá, sabe que eu não sou muito chegada em clássicos, e confesso que ele não chamou minha atenção. Fico muito feliz em ver que você gostou do livro e que ele se tornou um favorito para você, mas eu acredito que não estou no momento para lê-lo sabe? talvez mas para frente.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso acontece, espero que um dia esse momento chegue <3

      Excluir
  19. Olá!!

    Eu já ouvi esse livro em audiobook! Adorei!! Quero muito ler ele!! A história é incrível!! Amo clássicos, sempre nos surpreende com algo que não sabemos! Esse tem uma bela trama e pensar que foi estrita a tanto tempo, e por um homem!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  20. Olá,
    Eu fiquei muito curiosa com esse livro. Inclusive tenho ele aqui, porém como estou sempre correndo por conta da universidade e dos compromissos com o meu blog. Acabo deixando de lado. Fiquei extremamente curiosa com a sua resenha e gostei por apresentar de que escola literária ele pertence. Sou graduanda em letras e adorei a referência.
    Um beijo,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que legal! Espero que você consiga ler ele, e seja uma leitura extremamente prazerosa, assim como foi a minha.

      Excluir
  21. Olá.
    Tudo bom? Pode até me achar preconceituosa, mas não consigo me conectar com clássicos e mesmo você tendo adorado eu vou dispensar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, as vezes acontece. Obrigada pelo comentário. <3

      Excluir